17/10/2015

Abrindo os trabalhos

Posted in Pratos/restaurantes tagged , , , , às 4:33 pm por Paula R.

IMG_2410

Era alguém que gostava de comer bem que inventou essa história de iniciar uma refeição com antepastos. Na Itália, as variedades são tão elaboradas que eu poderia viver apenas disso – na verdade, já pensava isso nas cantinas de São Paulo!

Há opções de carnes frias, saladas (inclusive de macarrão), azeitonas, corações de alcachofra, cogumelos, berinjela à parmigiana, mini pizza frita, vegetais empanados, queijos variados, quente e frios, e, claro, os embutidos – o prosciutto crudo, tipo de presunto curado sem cozimento, é mesmo uma coisa divina! Tudo acompanhado de muito pão italiano, que, na Itália, eles chamam apenas de “pão”. (Desculpem, não resisti à piadinha.)

Para ilustrar o post sobre essa maravilha da culinária local, escolhi falar da Osteria San Rocco, na cidadezinha de Frascati, vizinha de Roma. O restaurante tem mesas compridas no meio de uma praça e a gente come vendo os prédios antigos, as árvores e sob a luz amarela dos postes antigos ou dos fios com pequenas lâmpadas, que condizem com meu imaginário sobre estabelecimentos italianos.

Este foi o primeiro dia que saímos para comer e, também, que ficamos assombrados com as enormes quantidades de comida. O prato de antepastos era tão elaborado e saboroso, que eu simplesmente não consegui comer a massa à matricciana que pedi. Até tentei dar umas garfadas, mas, se continuasse, passaria mal. Há tempos não sentia essa sensação de “não consigo ver comida na minha frente”.

A partir desse dia, passamos a pedir antepastos para dividir.

osteria_sanrocco
A mesa charmosa no meio da praça e o prato de massa que eu desperdicei.

Osteria San Rocco

Piazza San Rocco
V. Cadorna – Frascati (ITA)
Site aqui.

(Foto: Paula R.)

Anúncios