15/12/2009

Ovo poché (versão brasileira)

Posted in Receitas de salgados tagged , , , às 5:37 pm por Paula R.

:. Fácil – Porção para 2 a 4 pessoas

Ingredientes:
½ repolho médio
4 ovos
Alho e cebola
Pimenta do reino (opcional)
Sal

Nota: o repolho pode ser substituído por uma lata de ervilha em conserva.

Modo de preparo:
– Pique o repolho em fatias finas, lave e reserve.
– Refogue dois dentes de alho e 1/3 de cebola (ou use tempero pronto) num fio de óleo até começar a dourar. Acrescente o repolho e mexa.
– Adicione duas pitadas de sal e uma de pimenta do reino, caso não tenha usado tempero pronto. Misture bem.
– Deixe no fogo de médio a baixo e tampe a panela até cozinhar o repolho. Ele estará no ponto quando apresentar uma tonalidade um pouco “transparente”.
– Verifique se o repolho liberou água, se não, adicione ½ copo de água. Com uma colher, abra “caminhas” circulares, mas sem mostrar o fundo da panela.
– Quebre um ovo por vez e acomode em cada espaço aberto no passo anterior. Coloque uma pitada pequena de sal sobre cada ovo e tampe a panela até cozinhá-los.

:. Historinha…
Nossa, fazia tempo que eu não colocava uma receita por aqui! Antes de mais nada, gostaria de deixar bem claro que essa não é a receita francesa de ovo poché, que é feito em água fervente e eu ainda não fiz. Essa é a que aprendi na minha família e a responsável por eu passar a gostar de repolho. É fácil de fazer e pode ser preparada com repolho, ervilha ou a mistura dos dois. Já ouvi pessoas que fazem com picadinho de tomate. Além disso, tem a vantagem desse tipo de ovo ser mais saudável que o frito e menos insosso que o cozido.

> Encontrei uma receita interessante de ovo poché a francesa no blog La Cucinetta.

Anúncios

29/10/2009

Sobremesa rápida de morango

Posted in Receitas de doces tagged , , , às 5:58 pm por Paula R.

morangos_Rob-Owen-Wahl

:. Fácil – Porção para 5 a 6 pessoas

Ingredientes:
1 caixa de morangos
1 pacote de suspiros pequenos
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite

Modo de preparo:
– Lave os morangos e corte fora as folhas e cabos. Pique cada morango em 4 partes.
– Numa vasilha, misture o creme de leite e o leite condensado até ficar homogêneo.
– Acrescente os morangos picados e os suspiros. Mexa para misturar. Leve um pouco à geladeira antes de servir.

:. Historinha…
Para mim, receitas rápidas de sobremesas são sempre bem-vindas. Não é todo dia que a gente está a fim de apelar para o pote de sorvete ou a caixa de bombons para servir as visitas. Essa aqui quem me passou foi minha tia Lu, que já tinha passado 7 horas preparando o prato principal de um almoço de domingo – o paranaense barreado, cuja história rende um outro post. deve ficar bom acompanhada de sorvete de creme. Aproveite: não vai nem ao fogo.

(Foto: Rob Owen-Wahl / stock.xchng)

01/10/2009

Quibe de forno

Posted in Receitas de salgados tagged , , , , às 7:15 pm por Paula R.

hortela_Hajnalka Ardai

:. Fácil – Porção para 4 pessoas

Ingredientes:
1 xícara de trigo para quibe
300 g de carne moída
1 pacote de creme de cebola
½ tomate picado em cubos
½ cebola em cubos (opcional)
2 colheres (sopa) de vinagre branco ou limão
2 colheres (sopa) de azeite
3 colheres (sopa) de hortelã picado e/ou cheiro verde
2 pitadas de sal

Modo de preparo:
– Coloque o trigo de molho em duas xícaras de água por cerca de 30 minutos.
– Unte uma fôrma pequena com margarina.
– Numa vasilha, misture todos os outros ingredientes.
– Aperte entre as mãos o trigo para tirar o excesso de água e adicione à vasilha, misturando.
– Acomode a mistura na fôrma e leve ao fogo médio por 45 minutos.

Nota: dando uma olhada na internet, vi uma receita com recheio de queijo. Neste caso, faça uma mistura de 250 g de mussarela ralada com 150 g de queijo cremoso e, na hora de acomodar na fôrma, coloque metade da mistura, seguida dos queijos e finalize com o restante do quibe. Deve ficar bem bom.

:. Historinha…
Quem me ensinou essa receita foi minha cunhada Anna Luiza, que também me mostrou como fazer tabule, mas isso eu escrevo outro dia. Além de fácil de fazer o quibe de forno (ai, que vontade de escrever com “k”!) é mais saudável que o frito, pois praticamente só tem a gordura da carne. Gosto de comer com limão ou coalhada e, quando testei, tinha um pouco do creme branco que faço para acompanhar o chili e achei que combinou. Fica a dica: requeijão mais iogurte natural (1:2).

(Foto: Hajnalka Ardai/ stock.xchng)

25/09/2009

Sopa de legumes

Posted in Receitas de salgados tagged , , , , , às 3:57 pm por Paula R.

panela_Zsuzsanna Kilián

:. Fácil – Porção para 6 pessoas

Ingredientes:
1/3 pacote de macarrão (penne, parafuso ou conchinha)
4 batatas médias
3 cenouras
4 mandioquinhas
1/3 de couve-flor
½ peito de frango desfiado (opcional)
Amigo de milho (maisena)
2 folhas de louro (opcional)
Cebola e alho
Sal ou caldo de legumes

Nota 1: o macarrão pode ser substituído por arroz pronto.
Nota 2: os legumes , grãos e verduras também podem ser à sua escolha. Pode ser usado chuchu, repolho, ervilha-torta, couve etc.

Modo de preparo:
– Cozinhe os legumes na água e sal. Faça a couve-flor à parte, pois amolece mais rapidamente. Para saber o ponto, é importante espetar com um garfo e, quando entrar com facilidade, já estará pronto. Não jogue a água fora.
– Caso opte por colocar frango na receita, faça na panela de pressão com água cobrindo a peça, sal e louro para dar um aroma mais gostoso (dica do meu pai). Cozinhe por 5 minutos depois que abrir pressão. Não jogue a água fora.
– Numa panela grande, refogue 1/3 de cebola e dois dentes de alho picados num fio de óleo ou use tempero pronto. Adicione de 8 a 10 conchas de água e umas 3 pitadas de sal (ou dois cubos de caldo de legumes).
Nota: eu prefiro utilizar a água do cozimento dos legumes e do frango, pois contém mais nutrientes e mais sabor.
– Descase e pique os legumes cozidos a gosto (rodelas ou cubos), cortando a couve-flor em árvores pequenas. Adicione-os à água temperada.
– Desfie o frango e acrescente à panela. Deixe cozinhar por 15 minutos no fogo médio, mexendo periodicamente. Prove um pouco do caldo para verificar se está bom de sal.
– Dissolva 2 colheres de maisena em meio copo de água e acrescente à sopa. Mexa por mais 5 minutos e está pronto.

:. Historinha…
Sopas de saquinhos quebram um galho, mas nenhuma se compara com as feitas em casa. Nessa primavera que está mais para outono aqui em São Paulo, é sempre uma boa pedida ter um caldo quentinho para jantar. Com um pão (se for italiano então!), um pouco de queijo ralado e um fio de azeite, vira praticamente um banquete. Sem contar que dá para fazer vários experimentos com essa receita, variando os ingredientes e, ainda, aproveitar todos os restinhos que tiver na geladeira – até arroz e feijão.

(Foto: Zsuzsanna Kilián / stock.xchng)

15/09/2009

Lentilha

Posted in Receitas de salgados tagged , , às 1:13 pm por Paula R.

lentilha_okur

:. Fácil – Porção para 5 pessoas

Ingredientes:
½ pacote de lentilha
½ lingüiça calabresa (opcional)
Cebola e alho
Sal
Óleo

Modo de preparo:
– Pique umas duas rodelas de cebola em cubos e dois dentes de alho e frite num fio de óleo. Se preferir, utilize tempero pronto.
– Lave a lentilha no escorredor de arroz e adicione à refoga.
– Acrescente 4 copos de água e a calabresa cortada em fatias finas. Coloque umas pitadas de sal, mas tenha em mente que a lingüiça vai liberar um pouco também.
– Deixe em fogo médio, mexendo esporadicamente até cozinhar. Prove para verificar o ponto.
Nota: se deixar a lentilha de molho na água antes de cozinhar, o tempo no fogo será bem menor.

Historinha…
Adoro lentilha. Como salada, sopa, no arroz, para substituir o feijão, enfim, de todos os jeitos que já provei. O curioso é que acho que ontem foi a primeira vez que fiz com minhas próprias mãos. É super fácil e ideal para quem prefere passar longe da panela de pressão. Além disso, pelo que andei lendo, a lentilha ajuda a diminuir o colesterol e o açúcar no sangue, é rica em ferro e contém fibras, além de ter poucas calorias.

(Foto: Gokhan Okur/ Stock.xchng)

28/08/2009

Purê

Posted in Receitas de salgados tagged , , , às 12:51 pm por Paula R.

pure_catalin_stratila

:. Fácil – Porção para 4 pessoas

Ingredientes:
6 batatas médias
½ xícara de leite
1 colher de margarina
Temperos (sal, cebola, alho…)
Óleo

Modo de preparo:
– Lave e cozinhe as batatas com casca, colocando duas pitadas de sal na água. Se fizer numa panela comum, estará no ponto quando um garfo entrar com facilidade. Caso prefira fazer na panela de pressão, basta deixar 5 minutos depois que abrir a pressão.
– Retire as batatas da água e deixe esfriar. Retire as cascas com a mão ou com uma faca e passe pelo espremedor de batata.
– Numa panela em fogo médio, coloque um fio de óleo e frite a cebola e o alho ou o tempero pronto.
– Acrescente as batatas espremidas, o leite, a margarina e duas pitadas de sal (se o tempero pronto incluir sal, melhor provar antes de acrescentar mais).
– Misture bem com uma colher e mexa até a massa uniforme começar a soltar bolhas de vapor. Se preferir uma consistência mais mole, acrescente um pouco mais de leite.

Nota: para fazer um purê de mandioquinha, o princípio é o mesmo que o de batatas. Minha amiga Pri Valdes costuma fazer uma versão mista que leva batata e mandioquinha na mesma proporção. Vou testar.

:. Historinha…
Purês são uma guarnição fácil de fazer e que acompanha de tudo: peixes, frangos, lingüiças, filés e até cachorro-quente. Muitas vezes acaba dispensando a necessidade de se fazer arroz e feijão ou alguma massa para acompanhar a carne; mas daí é bom ter uns legumes para complementar a refeição. Sem contar que são uma delícia e caem bem até quando a gente está meio doente. Minha mãe costumava fazer uma versão com pouco leite, para ficar mais dura, que era servida numa travessa e coberta com molho de tomate e queijo ralado.

(Foto: Catalin Stratila/stock.xchng)

09/08/2009

Caçarola italiana

Posted in Receitas de doces tagged , , às 3:13 pm por Paula R.

jetsons

:. Fácil – Porção para 12 pessoas

Ingredientes:
3 xícaras (chá) de leite
4 xícaras (chá) de açúcar
1 colher (sopa) de margarina
6 colheres (sopa) de farinha de trigo
6 colheres (sopa) de queijo ralado
6 colheres (sopa) de coco ralado
5 ovos
1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de preparo:
– Unte uma fôrma de furo no meio com bastante margarina. Polvilhe com farinha e reserve.
Nota: caso tenha dificuldade em desenformar, prefira uma fôrma rasa para cortar diretamente nela.
– Coloque todos os ingredientes no liquidificador. Dê preferência para acrescentá-los na ordem da lista acima.
– Tampe e bata até ficar homogêneo.
– Despeje a massa na fôrma e leve ao forno entre médio e alto. Asse por 45 minutos.
Nota: não há problema em abrir o forno para verificar se o bolo está assado. Caso esteja muito escuro, abaixe o fogo para médio. Espete um palito e, caso saia limpo, já está no ponto.
Nota 2: espere esfriar antes de desenformar.

Historinha…
No Dia dos Pais, aproveito para postar a receita favorita do meu avô e uma das especialidades do meu pai. Apesar de ser fácil de fazer, na minha família, ela costuma ser servida em datas especiais como hoje, aniversários ou fim de ano. A consistência lembra a de um bombocado e derrete na boca.

PS: Também quero homenagear meu amigo Daniel, que se tornou pai ontem e já ganhou o maior dos presentes. Bem-vindo, Francisco!

(Imagem: Os Jetsons, personagens da Hanna e Barbera)

31/07/2009

Caju Amigo

Posted in Bebidas tagged , , às 1:16 pm por Paula R.

caju

:. Fácil – Porção individual

Ingredientes:
2 cajus maduros
2 colheres de açúcar
1 dose de vodka (cachaça ou gim)
Gelo

Nota: algumas receitas acrescentam um toque de cointreau e/ou suco de limão.

Modo de preparo:
– Retire a castanha e jogue fora. Pique os cajus, adicione o açúcar e amasse com um socador ou cabo de faca.
– Acrescente o gelo e a vodka.

Historinha…
Outro dia, fui na feira que há perto de casa aos domingos para comprar frutas e verduras para a semana. Queria só o essencial para não desperdiçar, mas numa das barracas uma bandeja de cajus vermelhinhos olhou para mim e foi paixão à primeira vista. Cheguei em casa e liguei para o meu pai para saber como fazer o famoso “caju amigo”. Em dois minutos estava pronto! Foi uma delícia cozinhar o almoço degustando o drinque. No final, dá para comer a polpa com colher.

PS: Minha amiga Eti já tinha me passado a receita por um dos comentários aqui do blog, mas eu estava sem computador no dia.
PS2: A filha de uma amiga da minha irmã, de 5 anos, outro dia perguntou se a bebida não podia chamar “Caju Felicidade”. Cute!

(Foto: stock.xchng)

29/07/2009

Cachorro-quente de forno

Posted in Receitas de salgados tagged , às 5:52 pm por Paula R.

salsichas

:. Fácil

Ingredientes:
Salsichas
Pão de cachorro-quente
Molho de tomate
Tomate
Requeijão
Mussarela
Azeite
Orégano
Tempero (alho, cebola, sal…)

Nota: os ingredientes devem ser comprados proporcionalmente ao número de pessoas.

Modo de preparo:
– Cozinhe as salsichas até a água ferver e reserve.
– Refogue o alho, a cebola no óleo e adicione os tomates picados para fazer o molho. Se preferir, adicione molho pronto.
– Corte um retângulo na parte de cima de cada pão, cavando uma espécie de “cova”. Cuidado para não atravessá-lo.
– Com uma colher pequena, coloque requeijão no fundo do buraco.
– Acomode a salsicha e preencha com o molho.
– Cubra com uma ou duas fatias de mussarela, espalhe orégano por cima e finalize com um fio de azeite.
– Leve ao forno para derreter o queijo.

Historinha…
No último sábado, mais uma das “lendas” do meu tio Edinho caiu por terra: finalmente comemos seu cachorro-quente de forno. É claro que aproveitei para ficar só de expectadora desta vez, prestando atenção nos detalhes. O melhor de tudo é que, além de gostoso, fica pronto tudo de uma vez. Só é preciso reservar um tempinho para a montagem.

14/07/2009

Omelete

Posted in Receitas de salgados tagged , , às 5:18 pm por Paula R.

ovos2

:. Fácil – Porção individual

Ingredientes:
2 ovos
3 fatias de mussarela
3 fatias de presunto
Azeitonas picadas
Orégano
Tempero (sal, cebola, alho…)

Nota: para manusear ovos, é sempre importante lavá-los e quebrar um por vez num recipiente para conferir o aroma antes de acrescentá-los. Assim, você evita usar um ovo estragado e perder toda a receita.

Modo de preparo:
– Quebre os ovos num prato fundo e adicione uma pitada de sal e outra de orégano, esmigalhando as folhas na palma da mão para potencializar o aroma. Bata com um garfo até ficar homogêneo.
– Pique os frios ou corte em fatias e acrescente à mistura, juntamente com as azeitonas.
– Para cozinhar, coloque um fio de óleo numa frigideira em fogo baixo e frite o alho e a cebola.
– Despeje a mistura e arrume com o garfo para que os ingredientes fiquem espalhados de maneira uniforme.
– Tampe a frigideira e deixe cozinhar por alguns minutos. Estará na hora de virar o omelete quando a massa estiver com cor clara, o que indicará que ela já está cozida.
– Vire com uma espátula e deixe dourar do outro lado uns dois minutos.

Outras opções de recheio:
– Mussarela com tomate picado e salsinha
– Peito de peru e queijo branco em cubos
– Lascas de parmesão, provolone e gorgonzola
– Mussarela com ervilha, milho e cenoura ralada
– Mussarela ralada e bacon

Historinha…
As omeletes estão entre os pratos mais fáceis de fazer e, mesmo sozinhos, garantem uma refeição completa. São bem versáteis e dá para brincar com os ingredientes. Também gosto de colocar uma colher de requeijão logo que tiro do fogo e dobrá-la ao meio para ajudar a derreter. Para quem a receita acaba sempre virando ovos mexidos, pois despedaça na hora de virar, o segredo é manter a frigideira sempre tampada e o fogo no mínimo.

(Foto: stock.xchng)

Próxima página